Tanta dor

Minhas filhas
Pobres, queridas, amadas
Tanta dor se acumula em mim
Por não tê-las mais aqui
Próximas
Quando de vós eu necessitar

Triste é saber que ninguém as viu
Que o mundo não as pôde conhecer
Ceifadas que foram
Antes mesmo da primeira infância

A dor é inexplicável
Inigualável
Profunda
Intensa
Forte

Em meio à tristeza,
Palavras perdem a força
A única alternativa
é chorar

Serão as lágrimas capazes,
Capazes de exprimir
e levar com elas tanta dor?
Apenas o tempo dirá

2 respostas em “Tanta dor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s